Idéias de Simplício

Estância Turística de Itu, onde tudo é “grande”

Graças ao comediante Simplício, esta pequena cidade é conhecida por ter alguns objetos exageradamente grandes, que chamam a atenção do turista.

| Postado por Twitter Google+


Portal de ItuComo previsto, após passarmos por Campinas-SP, descemos até a Estância Turística de Itu, um município muito conhecido por ter “tudo” exageradamente grande em sua cidade.

Itu é um município do interior do estado de São Paulo, localizado aproximadamente ha 100km da capital, com 155.589 habitantes. Este município recebe o titulo de Estância Turística de Itu, por cumprirem alguns requisitos definidos pela lei estadual paulista. Este status de Estância dá o direito ao município de receber uma verba maior para investir em turismo.

A fama de Itu ser uma cidade “Onde tudo é grande”, começou com uma brincadeira do comediante Francisco Flaviano de Almeida, o Simplício em um programa de TV a Praça da Alegria em 1957. No programa, ele faz um personagem que veio de Itu, porém com algumas exageradas mentiras sobre o município.

O vídeo abaixo, mostra uma das comédias de Simplício no ano de 1957, que deu origem a fama de Itu, assista ao vídeo (minuto 3:08).


Logo após estas apresentações de Simplício, Itu recebeu alguns monumentos que marcaram essa ideia.Não tem um prédio de “539 andares no totar gerar, 200 pra baixo da terra e o resto pra riba” como diz Simplício no vídeo, mas tem um orelhão, um semáforo gigante e outras atrações que a cidadezinha adotou para atrair os turistas. E a ideia deu certo! A praça estava lotada de pessoas tirando fotos nestes monumentos.

Semáfaro de Itu-SPAssim que chegamos na cidade, logo fomos procurar esses pontos turísticos que ficam na Praça da Matriz. Primeiro o grande semáforo na rua, e já vou logo avisando, ele funciona! Cuidado para não furar o sinal como nós fizemos. Na praça, também vimos o famoso Orelhão de Itu, e do outro lado da praça uma lojinha com muitas bujigangas de tamanhos exagerados. Nesta pequena loja, vende tudo quanto é objeto grande (lápis, canetas, isqueiros, tesouras, canecas,) além é claro do Sorvetão de Itu. Na frente da loja, vimos uma cadeira e um outro tipo de orelhão gigante.

Orelhão de ItuO primeiro objeto gigante a ser recebido pelo município foi o Orelhão de Itu. Em 1973 o ex-ministro das comunicações Higino Corsetti, cedeu o Orelhão para a cidade, fabricado na mesma empresa de Orelhões “normais”, e instalado pelo grupo Telefônica na Praça da Matriz, a fim de aproveitar a fama do local e fazer uma boa propaganda. Recentemente ele passou por uma reforma, a Telefônica mudou sua cor azul para roxo, isso por que o grupo da Telefônica unificou sua marca a Operadora Vivo.

Bem no final da praça Matriz tem um ponto de informações turísticas, porém estava fechado, assim como a igreja de Itu, a Nossa Senhora da Candelária construída em 1780. Na cidade também há o parque do Varvito um belo monumento geológico, que infelizmente devido ao tempo, não pudemos visitar, mas vale lembrar que é um local bem interessante, voltaremos lá para conhecer.

Por volta das 17:30, após ter tirado fotos em todos os monumentos grandalhões, Evandro e eu, tomamos um sorvete (normal) e logo partimos em busca de um lugar para dormir. A idéia a princípio era dormir em Itú para conhecer o que ainda faltava, o Parque do Varvito e a Igreja, porém, achamos a cidade muito cheia e caimos na estrada rumo a Sorocaba-SP.

Bem pessoal, a cidade é uma graça, vale a pena visitar! Confira as fotos deste nosso passeio.

Artigos Relacionados:

Serra do Rio do Rastro
Recanto Saltinho - Tijucas do Sul - PR
Morro Anhangava - Quatro Barras - PR
Estrada Rastro da Serpente - BR-476(PR) - SP-250
Morro da Igreja - Pedra Furada
Postado em: Viagens
Tags: , , , , ,